Navigation Menu

POLÊMICA: Fãs Da Aaliyah Criam Petição Contra Produção Do Filme Sobre A Vida Da Cantora


Depois de confirmada a produção do filme biográfico da Aaliyah e de ser afirmado que a atriz/cantora/dançarina Zendaya Coleman seria a protagonista da Princesa do R&B, os fãs de Aaliyah surpreenderam os produtores com respostas, em sua maioria negativas, tanto em relação a escolha do elenco, como o lançamento do filme em si. 

Os fãs mais enfurecidos começaram uma petição online para impedir a realização do filme, a principal razão para interromper a produção seria em respeito aos desejos da família da estrela falecida, que, segundo os fãs, não liberaram tal produção. Aqui está a petição completa:
"Esta petição é para parar a produção desse filme biográfico da Aaliyah. É errado que a mãe ou o irmão de Aaliyah não tenham sido escutados neste filme que está sendo feito. Assim como os fãs e nem qualquer um dos amigos de Aaliyah. Como seus fãs, vamos fazer tudo que estiver ao nosso alcance para acabar com este filme. Pouco sabemos, isso está prejudicando a Sra. Haughton e Rashad. Eles estão prestes a fazer algo sem sequer obter aprovação de sua família. Isso é mais que desrespeitoso. Se você concorda que este filme não deve ser feito, é preciso votar. Se você realmente respeita Aaliyah, você tem que respeitar os desejos de sua mãe e de seu irmão. É apenas certo. É a vida da Aaliyah. E agora eles estão indo longe demais. Precisamos acabar com isso!"
No entanto, a movimentação dos fãs foi recebida com uma declaração da diretor de elenco do filme, Twinkie Byrd, que defendeu sua decisão. Ela contou para a TheYBF: 
"Zendaya encarna tudo o que você quer em uma atriz para interpretar Aaliyah. Ela é uma atriz profissional, pronta e forte (estudou no California Shakespeare Theater e no American Conservatory Theater). Uma atriz triplamente qualificada, cantora e dançarina. Ela adora AALIYAH e vai fazer um trabalho maravilhoso! Ela é de etnia mista. O nome dela é Bantu (Zimbabwe), que significa "dar graças". Não vamos odiá-la, mas felicitá-la! Ela é uma ótima escolha!" 
Byrd foi responsável pelo elenco de filmes como "Being Mary Jane", "Black Nativity" e outros, então ela sabe o que diz em relação a escolha da atriz.

Enquanto isso Zendaya tem postado nas redes sociais sobre a escolha dela para o papel de Liyah:
"Ela foi uma inspiração e influência em toda minha carreira, seu talento ainda brilha mais do que nunca, tudo que posso fazer é honrá-la. Mostrar o quanto ela realizou com apenas 22 anos de idade...ela é linda por dentro e nunca terá outra Aaliyah, eu só quero partilhar a sua linda história e fazê-la orgulhosa no céu. #babygirl #forever #OneInAMillin Eu sou apenas uma garota de 17 anos de idade que foi selecionada para interpretar sua maior inspiração #positive"
Todos sabemos que a família Haughton sempre foi contra a realização de um álbum póstumo e de um
          Aaliyah                            Zendaya Coleman
filme sobre sua filha e irmã, mas aonde foi que alguém leu, viu, ouviu  que eles são contra isso agora? Nenhuma fonte oficial declarou que eles estão contra o projeto, ou que suas opiniões não foram escutadas. No entanto um membro da família, seu tio e ex-empresário, Barry Hankerson, prometeu um filme sobre a cantora, quando em Dezembro de 2013 ele postou um anúncio de um um filme para o VH1 em seu Twitter. Porém, também sabemos que fontes afirmam que ele sempre demonstrou ser um oportunista e que a família sempre esteve contra os projetos de lançamento de um álbum de inéditas, que era encabeçado por ele.  

Em termos de aparência entre a Zendaya e Aaliyah, existe maquiagem para isso (vide Lil Mama em CrazySexyCool: The TLC Story), se bem que a atriz lembra um pouco a Aaliyah. A queixa maior é o fato já terem declarado que Zendaya vai cantar quatro músicas de Aaliyah para o filme, isso poderá quebrar o realismo da história se a atriz não soar semelhante à cantora interpretada.

Nos resta aguardar mais novidades sobre essa polêmica, e torcemos para que a família de Aaliyah esteja a favor do lançamento do filme, para que não sofram nem sejam desrespeitados.



0 comentários:

Follow @ RollingSoulBrasil